• Três dias de estrada e chegaram ao SEB em Petrolina, de onde partiram para Piçarrão, em Sento Sé na...
  • XIV Conferência Informações

História da MEB

A Missão Evangélica Betânia faz parte da história do protestantismo brasileiro. Seus primeiros missionários chegaram aqui em 1961. Desde então ela tem sido parte fundamental na revolução que transformou o Brasil de um país necessitado de missionários estrangeiros para um verdadeiro celeiro de evangelistas compromissados em levar a mensagem da cruz «até os confins da terra». E logo a Betânia se viu chamada também a suprir a necessidade de uma literatura bem fundamentada que alimentasse o avivamento que se derramava pelas igrejas brasileiras na década de 60.

O Trabalho desenvolvido pela Betânia ao redor do mundo, é o cumprimento da visão que Deus deu ao seu fundador Pr. Ted Hegre, enquanto orava. Numa tarde de Domingo, em 1944, ele recebeu uma visão do Senhor, que o desafiava a enviar missionários para o mundo, um total de 100 pessoas, naquele momento a Capela Betânia contava apenas com pouco mais de um décimo desse número.
Em 1945, um grupo de cinco famílias abraçaram o desafio, mudaram para um casa de 14 quartos, venderam suas casas e fundaram a Comunidade Betânia.
 
Com o passar do tempo, diversas pessoas se juntaram a comunidade. Em 1948, as duas primeiras missionárias foram enviadas para Guiné Bissau através da WEC Internacional e apoio da Capela Betânia. Neste mesmo ano, foi fundado o Centro de treinamento de missionários, que visava a preparação adequada dos obreiros. Foi então em 1961 que chegaram os três primeiros casais de missionários ao Brasil, em 1963 após a primeira visita do Pr. Ted e sua esposa ao Brasil, foi tomada a decisão de fundar a Missão Betânia do Brasil, e um ano depois foi fundada a Editora Betânia, com a missão de produzir literatura de qualidade a um preço baixo e acessível. Nesta visão, em 1965 saía o primeiro exemplar da Mensagem da Cruz, uma revista devocional profundamente comprometida com os valores do reino, e a partir daí surgem várias publicações com este enfoque, livros que marcaram gerações e se tornaram verdadeiros clássicos.
 
Os Seminários Betânia, fundados em 1967 nas cidades de Altônia-PR e Coronel Fabriciano - MG, o último posteriormente transferido para Petrolina, veio atender a necessidade de formação teológica. 
Os primeiros missionários brasileiros enviados pela missão Betânia partiram em 1986 para o Paraguai.
Pela necessidade de um trabalho focado em missões transculturais, nasce a JUMIB, em 1994, e um ano depois já inicia um trabalho em Dakar, no Senegal.
Em atenção às necessidades do Sertão nordestino foi fundado o Seminário Betânia em Petrolina no ano 2000 que visa o recrutamento e treinamento do cidadão do Nordeste para o Nordeste.
 
Ainda hoje, a MEB continua firme em seus valores e propósitos, de levar a mensagem da cruz a todos os perdidos.
*A visão «impossível» de Ted Hegre a respeito do envio de 100 pessoas se cumpriu. Em 1974, a Betânia enviou seu centésimo missionário. Hegre viveu para poder glorificar ao Senhor por este grande feito. Ele faleceu dez anos depois, em 1984, enquanto trabalhava na missão em Singapura.
 

Mapa Missionários JUMIB

Águas no Deserto

Amigos da Saúde